terça-feira, 24 de agosto de 2010

CEDRO FICA FORA DO PAGAMENTO DA PRIMEIRA PARCELA DO PROGRAMA GARANTIA SAFRA 2009/2010


Caros conterrâneos, o Governo Federal deu início ao pagamento do Programa Garantia Safra, na última quarta-feira, dia 18 de agosto, através da Caixa Econômica Federal. O pagamento do programa refere-se à safra de 2009/2010. O seguro é um benefício social para atender aos pequenos produtores rurais que registraram perda de pelo menos 50% da safra de feijão, milho, arroz, mandioca e algodão. Neste ano, o agricultor receberá o seguro distribuído em quatro parcelas de R$ 150,00, cada.

O nosso município participa do programa, tendo como beneficiários 2.608 agricultores. O descaso com esta categoria partiu mais uma vez do gestor municipal, que deixou de enviar para o Ministério do Desenvolvimento Agrário, em tempo hábil para homologação, o laudo de avaliação de perda de plantio, que é de responsabilidade da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil, órgão este vinculado a Prefeitura.

Causa indignação a falta de compromisso desta gestão com a nossa gente. Devemos avaliar que a maior indústria do nosso município, hoje, é a agricultura, e o maior exemplo são os 2.608 pais de famílias agricultores. Se comparados às fábricas com 100 operários, daria o equivalente a 26 indústrias em Cedro e, este prefeito não toma nenhuma atitude quanto às pessoas da sua confiança que não tiveram a responsabilidade de encaminhar este documento no devido tempo, prejudicando neste mês, os beneficiados pelo programa. Como o caso veio à tona, sei que eles vão correr contra o tempo e encaminhar este laudo para que, no mês seguinte, saia o pagamento. Infelizmente é assim que eles estão trabalhando. Este descaso vai refletir também em nossa economia, que deixará de ter circulando em Cedro, o montante de R$ 391.200,00, dinheiro que aqueceria o comércio local, além de ajudar os agricultores, que poderiam agora estar usufruindo do dinheirinho extra, a cumprir com os seus compromissos.

Este programa nunca foi levado a sério por esta gestão. Prova disso é que, em 27 de março de 2009, o mesmo foi notícia na imprensa nacional, através do Diário do Nordeste, quando divulgou que o promotor de Justiça de Cedro, Leydomar Nunes Pereira, apurava fraude no mesmo, uma vez que foi identificada entre os beneficiados uma relação de 109 nomes de comerciantes, servidores públicos, cargos comissionados e de prestadores de serviço, que estariam cadastrados no Garantia Safra sem atender aos critérios. Este é o jeito deles fazerem política, tirando da boca de quem necessita para agradar a quem muito já tem.

Aos trabalhadores prejudicados, presto a minha solidariedade e reclamo com eles que a prefeitura tome as devidas providências para que, mesmo tarde, esse benefício chegue para os nossos agricultores.

terça-feira, 17 de agosto de 2010

CID É RECEBIDO EM CEDRO EM NOVO PALANQUE POLÍTICO






Caros amigos e irmãos cedrenses, hoje, quero demonstrar a minha gratidão a todas as pessoas que compareceram ao comício da coligação “Por Um Ceara Melhor Pra Todos”, em nossa querida cidade.

Recebemos de braços abertos o candidato a governador pela coligação, Cid Gomes, Pimentel - candidato a Senador e Mauro Filho - candidato a Deputado Estadual.

Contei com o apoio dos ex-prefeitos Hélio Jucá (PRB), Dr. Bitu dos Santos (PSDB) e das lideranças políticas Alcivan Sales (PTB) e Antônio Ferreira Bindá (PSDB), que estiveram conosco no palanque, em seus nomes representando todas as demais lideranças de Cedro que nos prestaram apoio.

Mas, faço aqui, uma citação especial ao povo de Cedro, à grande multidão que foi ao comício ouvir as propostas dos nossos candidatos. O povo ali esteve, não apenas por se tratar de mais um evento político, mas sim, por ser uma grande oportunidade de mudança na política do nosso município, mudança esta, que todos ouviram do próprio candidato a governador, Cid Gomes, deverá passar pelas mãos desse grupo que se forma em defesa do povo cedrense.

Ouvimos de Cid Gomes que ele aprendeu com o seu pai que o maior tesouro que o homem possui é a sua palavra. Neste momento senti firmeza, pois todos sabem que temos muitas coisas que precisam ser mudadas em Cedro, e que só um homem de palavra poderá fazê-lo. Confio em Cid Gomes, e por essa razão abracei junto com os meus amigos a sua campanha. Cid já provou que quer o bem de Cedro e manteve a sua palavra ao manter funcionando o Hospital Zulmira Sedrim de Aguiar, numa causa reclamada por nós e ouvida por Mauro Filho, nosso candidato a deputado estadual. Ta aí, o hospital aberto e servindo à população.

A turma que está no poder, que podemos classificar de “turma do atraso”, não demonstra em nenhum momento interesse pelo Cedro e pelo seu povo. O governo estadual tem trabalhado sozinho realizando obras, como a reconstrução da CE que liga Cedro ao distrito de Mangabeira, implantação da CEJOVEM - Escola de Educação Profissional e do programa Projovem, construção de uma delegacia de Polícia Civil, com a doação de uma moderna viatura, construção da rodovia Padre Cícero, que dará nova vida ao Cedro, com grande influência na economia do município, implantação do Cinturão Digital, com internet acessível para todos, e liberação de vários projetos São José.

Temos também o compromisso público do governador de, caso seja reeleito, asfaltar as estradas que ligam os distritos de Santo Antônio e Várzea da Conceição à CE Cedro-Cascudo. Essa obra é um sonho do povo dessas comunidades que será realizado, se Deus quiser.

Neste comício esteve presente Pimentel, o homem ao qual escolhi para nos representar no Senado da república. Honesto e trabalhador, Pimentel, quando ministro da Previdência Social, liberou para Cedro uma agência da previdência, obra que está em construção, já em fase final.

É assim que quero ver Cedro, confiando nas pessoas certas para fazer as mudanças que tanto precisamos acontecer.

Encerro mais uma vez, agradecendo a todos vocês pela participação no comício. O comparecimento de vocês, da criança ao ancião, me conforta e me diz que tomei a decisão certa em apoiar a campanha de Cid Gomes. Obrigado Cedro.

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

CEDRO, A MUDANÇA COMEÇA AGORA



Amigos de Cedro, venho aqui reafirmar a minha posição política, convidando todos vocês para estarmos presentes, neste domingo, dia 15 de agosto, no grande evento político que acontecerá em nossa cidade, marcando a nossa arrancada rumo às mudanças que queremos para o Ceará e para Cedro.


Contamos com a sua presença!


quarta-feira, 11 de agosto de 2010

ESTIVE EM VÁRZEA ALEGRE PARA APOIAR CID GOMES NO SEU PROJETO DE REELEIÇÃO


Caros conterrâneos, estive neste último final de semana na cidade de Várzea Alegre, participando de uma grande carreata de apoio ao projeto de reeleição do governador Cid Gomes.

Senti-me feliz, pois fui ao evento político acompanhado por pessoas aqui de Cedro, como o ex-prefeito Dr. Helio Jucá, o presidente do PTB, Alcivan Sales, entre outras lideranças. A caravana que me acompanhou para reforçar a nossa mensagem de apoio ao governador estava composta por mais de 70 carros e várias motos.

Afirmo aqui, que aos poucos venho notando que estamos sendo ouvidos, já que as pessoas de Cedro sabem da importância de mantermos o nosso propósito de promover, em nosso município, grandes mudanças.

Vejo que tomei a decisão certa de apoiar a candidatura de Cid Gomes ao governo. Essa minha decisão, que postei as razões aqui neste espaço, encontra respaldo nas palavras de um jovem governador que vem trabalhando muito pelo Ceará, e Cedro, é parte desse projeto.

Durante o evento também tive a oportunidade de encontrar com grandes amigos e abraçar Mauro Filho, que tem o meu apoio à sua candidatura ao cargo de deputado estadual pela sexta legislatura.

Ouvi com atenção a entrevista que Cid Gomes cedeu à rádio Cedro FM, que em Várzea Alegre, cobria o evento. Aqui destaco o trecho da entrevista em que o Cid fala do apoio político que recebe em Cedro.

video

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

VOLTA ÀS AULAS


Amigos de Cedro, juventude da minha querida terra, o segundo semestre do ano letivo 2010 está iniciando e a situação das escolas da rede pública municipal de Cedro continua em péssimo estado de funcionamento.

Todos nós somos conhecedores que 40% dos recursos do FUNDEB são destinados à manutenção e aquisição de equipamentos para educação.

Se tivéssemos um gestor comprometido com a educação do nosso povo, agora no mês de julho, período de recesso das aulas e momento oportuno de efetuar reparos nas instalações físicas das escolas, este recurso, que não é pouco, poderia ter sido investido na recuperação das unidades de ensino.

Para que o cidadão cedrense entenda melhor, informamos que a prefeitura de Cedro recebeu, no mês de julho deste ano, R$ 262.000,80 (Duzentos e sessenta e dois mil reais e oitenta centavos), valor referente ao repasse de 40% do Fundeb.

Quando pegamos o período de janeiro a julho, percebemos que é muito dinheiro, e que, se aplicado corretamente, teríamos escolas muito bem aparelhadas. De janeiro a julho de 2010, só de recursos dos 40% do Fundeb, a prefeitura de Cedro recebeu R$ 2.147.493,13 (Dois milhões, cento e quarenta e sete mil, quatrocentos e noventa e três reais e treze centavos). Acompanhe no quadro abaixo:

Mês/Repasse 40% do Fundeb:
Janeiro - R$ 264.077,48
Fevereiro - R$ 203.550,20
Março - R$ 289.433,75
Abril - R$ 324.150.39
Maio - R$ 320.582,30
Junho - R$ 483.659,60
Julho - R$ 262.000,80

Fonte: www.bb.com.br

Apesar do grande volume de dinheiro, não houve investimento em nenhuma escola do território cedrense. Pegamos para exemplo a Escola de Ensino Fundamental Antonio Alves dos Santos, localizada na vila do Distrito de Lagedo, que recebeu no início deste ano, a pedido da comunidade, a comissão de vereadores, a fim de realizar auditoria, cujo resultado foi encaminhado na época à Secretaria Municipal de Educação. A escola está totalmente deteriorada. Os moradores de Lagedo são conhecidos por sua coragem, seu trabalho e inteligência, e como todos de Cedro, merecem uma escola melhor para a educação dos seus filhos.

Enquanto o dinheiro do Fundeb não é suficiente para realizar melhorias nas escolas, todos são conhecedores do destino e da forma como esse dinheiro vem sendo usado pelo atual governo de Cedro. Quem não se lembra dos recursos do Fundeb que foram utilizados para pagar serviços prestados por supostos professores? Inclusive, um destes, lecionava nesta escola, o que gerou o escândalo dos empenhos falsos! O caso está sendo apurado pelo Ministério Público, onde envolvidos declararam que, apesar de serem analfabetos, tiveram os seus nomes utilizados para determinado fim.

Para comprovar a veracidade dessa informação você pode acessar o Portal da Transparência, site do TCM, para detalhes da nota de empenho, no seguinte link: http://www.tcm.ce.gov.br

Fico muito triste e decepcionado com essa situação. Quando fui prefeito de Cedro não havia recursos garantidos para área educacional como o FUNDEB e mesmo assim uma das minhas prioridades foi a educação, setor em que investi muitos recursos principalmente na estruturação das escolas, inclusive construí novas unidades e consegui a ampliação de outras, dando assim, a oportunidade para que as crianças e os jovens cedrenses encontrassem uma porta aberta para o futuro. Essa porta, na atual administração, está sendo fechada, com os recursos do Fundeb mal aplicados, caso que foi parar na Justiça.

Uma educação jogada no lixo por um governo que despreza a oportunidade de desenvolver cada vez mais o nosso povo que sempre foi destaque na educação do Brasil.

Um povo determinado, que mesmo sem encontrar nas escolas estruturas físicas adequadas, obtém resultados positivos pela força de vontade, quando avaliados, não pela estrutura, mas sim pela capacidade da nossa gente, caso da avaliação da educação do Cedro no Sistema Permanente de Avaliação da Educação Básica - SPAECE 2009, que possui uma escala constituída de cinco níveis: alunos não alfabetizados, alfabetização incompleta, intermediário, suficiente e desejado, dentre os quais o Cedro se encontra em nível suficiente.

Em minha gestão fiz questão de concluir a obra iniciada pelo meu antecessor, José Batista Filho, Dois de Ouro (in memorian), a Escola Técnica Federal, a terceira maior unidade de ensino federal do Estado do Ceará, hoje desprezada por este gestor, funcionando com um público em torno de 1.200 alunos, quando poderia, em sua capacidade máxima, atender a 4.000 estudantes, tornando-se um pólo de educação técnica na região, finalidade para a qual foi edificada.

O povo cedrense mais uma vez contará com a seriedade e a eficiência do Ministério Público local que apura o escândalo dos empenhos falsos e a farra com o dinheiro do Fundeb de Cedro. Há gestores que não investem na educação, pois sabem que é o conhecimento que forma cidadãos críticos e conscientes dos seus direitos.

Veja neste vídeo a situação da Escola Antônio Alves dos Santos da comunidade de Lagedo.

video

terça-feira, 3 de agosto de 2010

NOVA DIRETORIA DO SINDICATO DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE CEDRO TOMA POSSE


Caros amigos cedrenses, prestigiei no ultimo sábado, 31 de julho, a posse da nova diretoria do Sindicato dos Servidores Públicos do nosso município. Fiquei feliz com mais esse ato democrático do nosso povo. Esse sindicato tem salutar importância na defesa dos direitos dos servidores públicos do município. No tempo em que ficou desativado, no final da década de 90, coincidentemente durante o governo deles, muita coisa deixou de ser feita em favor dos servidores públicos de Cedro.

Graças a Deus, os servidores despertaram e agora têm uma entidade que os representam com legitimidade.

Os servidores encontraram na união, a força que precisam para corrigir injustiças, como a que foi cometida pelo atual prefeito quando atrasou o salário da categoria por dois meses. Os atrasados só foram pagos pela intervenção da Justiça, que foi provocada pelos servidores que se sentiram prejudicados.

Parabenizo a direção do sindicato e a categoria pela iniciativa de retomar os trabalhos dessa entidade para o bem de todos. Na oportunidade, disponibilizo, pois, para conhecimento de todos, a composição da direção do Sindicato dos Servidores Públicos de Cedro:

DIRETORIA EXECUTIVA TITULARES: Presidente: MARIA DE FATIMA SANTOS DE SOUZA, Vice-Presidente: MÁVIO AMARO ALVES, 1ª Secretaria: REGINALDA SILVA MIRANDA DINIZ, 2ª Secretaria: DAMIANA ANDRADE FERREIRA, 1º Tesoureiro: OSMAR LEITE E OLIVEIRA, 2º Tesoureiro: DAMIÃO ADAILDO BEZERRA,

DIRETORIA EXECUTIVA SUPLENTES: 1º Suplente: COSMO MONTEIRO NOGUEIRA, 2º Suplente: FRANCISCA ALDENI DE SOUZA, 3º Suplente: CLAUDETE BEZERRA DE OLIVEIRA, 4º Suplente: MARIA DO SOCORRO GONÇALVES DE SALES, 5º Suplente: CÍCERO ALVES DA SILVA, 6º Suplente: ZULENE DE OLIVEIRA MOREIRA.

CONSELHO FISCAL EFETIVO: 1ª Conselheira: MARIA SILVA MIRANDA, 2ª Conselheira: ZULEIDE LOPES DE OLIVEIRA, 3ª Conselheira: VANJA BATISTA DE OLIVEIRA.

CONSELHO FISCAL SUPLENTE: 1º Suplente: MARIA ROSENILDA DE OLIVEIRA, 2º Suplente: JOANA DO ROSÁRIO DINIZ BEZERRA, 3º Suplente: MARIA DASDORES VIANA.

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

MOAGEM DO ENGENHO DA CURICACA


Apesar deste ano ter sido de grande estiagem, o engenho da Curicaca funcionou. Aqui, extendo votos de parabéns para todos os moradores daquelas comunidades e, em especial, aos produtores de cana-de-açúcar, Estes produtores, durante a minha gestão como prefeito de Cedro, sonharam comigo, com a possibilidade de ver implantado naquela comunidade um engenho de cana-de-açúcar.

Lembro-me que na época fui procurado pelo líder comunitário Aldivan Loiola, que solicitava a compra dos equipamentos (maquinários) do engenho e que em contrapartida, a comunidade ergueria o prédio em regime de mutirão.

Em uma exposição do associativismo no mês de outubro, durante as comemorações do aniversário da cidade, Aldevan trazia em uma lâmina de isopor, o desenho de como seria o engenho que eles haviam idealizado e estavam construindo.

Aquilo muito me comoveu, na época tive o apoio do Deputado Estadual Mauro Filho, que junto à Secretaria de Indústria e Comércio da época, conseguiu os recursos que viabilizou a Prefeitura de Cedro a adquirir os equipamentos necessários.

Aldevan me convidava na época para uma reunião na comunidade de Curicaca, para que eu assumisse publicamente este compromisso, sem saber ele, que eu já tinha me comovido com o desenho do engenho e que já estava pleiteando os maquinários.

A reunião foi marcada, portanto, depois que eu já havia comprado os equipamentos. A comunidade, que estava esperando por minha promessa, foi surpreendida quando cheguei com o caminhão levando os equipamentos do engenho. Nunca vi um povo tão eufórico e feliz como naquela manhã.

Uma década depois, vejo que os projetos implantados com o apoio da comunidade são auto-sustentáveis e me sinto triste em ver este engenho desprestigiado pela atual gestão. Continua lá, do jeito que construímos. A comunidade enfrenta um problema com a falta de água potável para o beneficiamento do produto e a prefeitura não se prontificou em resolver a situação durante estes 14 anos de gestão deles.

O governo municipal de Cedro, além de não incentivar a cultura da cana-de-açúcar, desinformado, não corre atrás de programas importantes para o desenvolvimento da comunidade, esta que poderia estar negociando a rapadura produzida pelo engenho da Curicaca para as escolas, para ser servida na merenda escolar, haja vista o Governo Federal disponibilizar recursos, através da CONAB, para aquisição de alimentos e produtos da agricultura familiar, para doação a entidades sociais dos municípios.

Acrescento que, se o atual governo de Cedro valorizasse o que é produzido pelas famílias cedrenses, mais precisamente o que é produzido pelo homem do campo, outra fonte de geração de renda cairia muito bem neste momento, quando o Governo Federal instituiu a lei determinando que 30% dos itens da merenda escolar sejam adquiridos da agricultura familiar.

Como prefeito eu trabalhei para ajudar a comunidade, como confirma o senhor Chico João neste vídeo.

video